Universidade Eduardo Mondlane recebe tratado da História de Angola

Universidade Eduardo Mondlane recebe tratado da História de Angola

Três meses depois de ter sido apresentado em Luanda, na antiga fortaleza de São Miguel, o tratado de História, “Angola: desde antes da sua criação pelos portugueses até ao êxodo destes por nossa criação” (Ed. 2021), chegou à Universidade Eduardo Mondlane (UEM), na República Moçambique.

O magnífico reitor da UEM, Prof. Doutor Manuel Guilherme Júnior, recebeu com elevado regozijo a obra oferecida pelo seu homólogo da Universidade Agostinho Neto (Luanda, Angola), Prof. Doutor Pedro Magalhães. A reitoria da UEM providenciou no sentido de duas outras importantes entidades do pais lusófono do Oceano Indico, receberem uma colecção desta inédita obra.

O autor deste monumental tratado de História de Angola, Prof. Doutor Carlos Mariano Manuel, assistiu a cerimónia realizada na reitoria da universidade.

O professor catedrático, Pedro Magalhães, magnífico reitor da Universidade Agostinho Neto no histórico momento de entrega de algumas colecções da primeira e segunda edição do tratado de História de Angola ao Prof. Doutor Manuel Guilherme Júnior, Magnifico Reitor da Universidade Eduardo Mondlane, no decurso do acto para o efeito realizado a 28 de Junho de 2022 na Reitoria da Universidade Eduardo Mondlane, em Maputo (Moçambique).

Livro «Os Bantu na visão de Mafrano» oferecido a ministra moçambicana

Livro «Os Bantu na visão de Mafrano» oferecido a ministra moçambicana

Maputo, 28 de Maio de 2022 – O livro de antropologia cultural angolana, «Os Bantu na visão de Mafrano», foi oferecido este sábado à Ministra da Cultura e do Turismo da República de Moçambique, Dra Eldevina Materula, durante uma breve cerimónia realizada na Casa Museu José Craveirinha, em Maputo.

A cerimónia foi testemunhada pela família do prestigiado poeta e escritor moçambicano cujo centenário foi celebrado em Maputo de 24 a 26 de Maio, por iniciativa da Associação dos Escritores Moçambicanos (AEMO).

Na oportunidade, a Ministra Eldevina Materula agradeceu o gesto que considerou “uma prova eloquente da necessária vitalidade no intercâmbio cultural entre Angola e Moçambique”.

A delegação angolana que participou, a convite da AEMO, na primeira Conferência Internacional sobre o centenário de José Craveirinha foi composta por Luisíndia Caetano e Anete Caetano. Na sexta-feira, 27, as duas participantes de Angola apresentarem, na casa dos escritores moçambicanos, o livro «Os Bantu na visão de Mafrano», de Maurício Francisco Caetano, seu avô, numa cerimónia que contou com a presença de cerca de trinta pessoas, incluindo escritores, diplomatas, editoras, representante da igreja católica e representantes da cultura.

À margem destas actividades, a delegação angolana foi recebida quinta-feira de manhã, 26, pelo arcebispo de Maputo, Dom Francisco Chimoio que enquanto padre capuchinho esteve em Angola durante os anos 70’s. O encontro decorreu no arcebispado de Maputo “num clima de emoção e de enorme satisfação”, segundo as participantes.

A obra «Os Bantu na visão de Mafrano», foi lançada a título póstumo no passado dia 14 de Maio, em Luanda, e apresentada igualmente a alunos do Seminário da província da Huíla, no Lubango, na presença do arcebispo emérito daquela cidade, Dom Zacarias Kamuenho. Também o arcebispo de Luanda, Dom Filomeno Vieira Dias do Nascimento, destacou o conteúdo e a importância desta obra como um instrumento que “vai ajudar a compreensão de práticas dos povos desta região” .

Em Maputo, as duas angolanas avistaram-se ainda com Maria de Lurdes Mutola, a campeã olímpica de Moçambique e convidada de honra desta Conferência Internacional sobre o centenário da Craveirinha.

O livro «Os Bantu na visão de Mafrano» foi editado pela família do autor a partir de textos dispersos no Jornal católico «O Apostolado», entre os anos 1957 e 1982, e faz parte de uma colectânea a ser publicada em três volumes que abarca estudos sobre a escrita ancestral, os tribunais, a formação profissional, os matrimónios, a tradição política e a solidariedade humana.

Mafrano chega a Maputo

Mafrano chega a Maputo

O livro “Os Bantu na visão de Mafrano” está a ser exposto em Maputo, Moçambique, aos participantes à Primeira Conferência Internacional sobre o Centenário do poeta Moçambicano José Craveirinha.

A apresentação da obra com venda e assinatura de autógrafos estará a cargo de uma neta de Maurício Caetano que se encontra na cidade de Maputo a convite da Associação dos Escritores Moçambicanos (AEMO).

A foto abaixo mostra as duas participantes de Angola na companhia de Maria de Lurdes Mutola, a campeã olímpica de Moçambique.