Foi inaugurada, no passado dia 8 de Fevereiro, no Museu Nacional Ferroviário, a exposição, “Criando Paisagens Antopogénicas na África dos Séculos XIX e XX”.

Esta mostra, que a partir da fotografia pretende reflectir sobre o impacto da construção do caminho-de-ferro e da consequente transferência tecnológica nos territórios de Moçambique e Angola, foi organizada e coordenada pelo investigador Hugo Silveira Pereira (Centro Interuniversitário de História das Ciências e Tecnologias da Faculdade de Ciências da Universidade Nova de Lisboa). A cenografia ficou a cargo de André Pereira e os textos que acompanham a exibição são da responsabilidade de Hugo Silveira Pereira e Maria Paula Diogo.

Em simultâneo com a exposição, que poderá ser visitada até dia 8 de Maio, irá ter lugar um Ciclo de Conversas e Conferências cuja primeira sessão decorreu sob o mote, “A fotografia histórica como património e instrumento de ensino”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *