Foi apresentada em Lisboa, na sede da CPLP – Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, a 14 de Dezembro de 2017, a segunda edição do livro “Petróleo uma indústria globalizada”, do Eng. António Feijó Júnior, uma edição da Perfil Criativo – Edições.

A mesa de honra foi composta pelo Dr. Luís de Almeida – Embaixador da Missão de Angola Junto da CPLP, Eng. António Costa Silva – Chairman of the Management Commission – PARTEX OIL AND GAS, Eng. António Feijó Júnior – Chairman Operations Committee – SONANGOL

O editor João Ricardo Rodrigues fez a apresentação da editora, referindo que o trabalho realizado é uma homenagem aos autores angolanos, como Óscar Ribas, Alda Lara, Agostinho Neto, Alexandre Dáskalos, António Jacinto, Ernesto Lara Filho, Viriato da Cruz e Uanhenga Xitu, e muitos, muitos outros escritores que deram, e dão continuidade a este espírito intelectual. A obra de referência foi  “Autores e Escritores de Angola. 1642 – 2015” (2016), de Tomás Lima Coelho. Referiu ainda a dinâmica editorial de novos autores em Angola e as razões da edição deste livro: “Enganam-se os que pensam que estamos a fazer a apologia de uma indústria do passado, estamos sim, a colocar à disposição de todos, uma ferramenta, para melhor compreenderem a cadeia de valor da indústria do petróleo e do gás e a prova do interesse desta obra, se fosse necessário uma, está no facto de a primeira edição, distribuída apenas nas principais livrarias da baixa de Luanda, esgotar ao fim de dois meses.”

De seguida teve a palavra o Embaixador, Dr. Luís de Almeida, representante permanente de Angola junto da CPLP. Foi seguido pelo Eng. António Costa Silva, que fez uma apresentação da obra que surpreendeu todos, incluindo o autor. Foi uma aula de mestre, que nos levou para as grandes questões energéticas, tecnológicas da Humanidade e em particular de Angola.

Por fim, o autor Eng. António Feijó Júnior encerrou a sessão com a sua explicação sobre a obra. Com a sessão de autógrafos terminou a sessão de apresentação do livro na CPLP.

Fotografias: © José Augusto Costa

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *